Resenha: O Ladrão de Raios, de Rick Riordan

Título: O Ladrão de Raios

Título Original: The Lightning Thief

Autor: Rick Riordan

Publicação: 25 de junho de 2005, EUA; 21 de novembro de 2008, Brasil

Número de páginas: 387 páginas

Editora: Intrínseca

ISBN: 9788598078397

Primeiro volume da série Percy Jackson e o Olimpianos, O Ladrão de Raios é se passa nos Estados Unidos dos tempos atuais.  O protagonista da série é o garoto problema Percy Jackson de doze anos que descobre ao mesmo tempo ser filho de um Deus e que está sendo acusado de roubar um poderoso artefato.

Perseguido por agentes do Olimpo, Percy com a ajuda de dois fieis amigos, parte da costa leste para a costa oeste americana para recuperar o objeto roubado, provar sua inocência, salvar a sua mãe e impedir que os Deuses comecem uma Guerra.

Peguei o livro para ler por um acaso. Não era um livro que fazia parte da minha lista, mas como eu já havia assistido ao filme e adorado a mistura da mitologia grega com os tempos atuais, resolvi comprar. Acabei comprando os dois primeiros livros da série, na verdade.

Eu adoro mitologia grega, aliás mitologia em geral, e já havia lido um livro chamado Deuses Americanos do escritor Neil Gaiman, que faz justamente essa mistura de lendas mitológicas com os tempos atuais de uma forma mais fantasiosa e bem mais adulta. A série Percy Jackson, no entanto, é voltada para o público adolescente.

Em O Ladrão de Raios, conhecemos Percy e seus amigos, Annabeth e Grover. Annabeth, assim como Percy é meio-sangue, ou seja, filha de um Deus com um ser humano. Grover é um satírico, entidade ligada à natureza, cujo corpo é metade humano, metade bode.  Partindo de Nova York para Los Angeles, Percy e seus amigos devem encontrar um objeto super valioso, O Raio de Zeus, e entregá-lo ao Deus antes do Solstício de Verão. O problema é que Percy tem dez dias para fazer tudo isso. Durante a sua jornada, perigo é o que não falta, pois Percy está sendo perseguido e acusado do roubo. Agentes do Olimpo estão em toda parte atrás de Percy.

A narrativa apesar de simples, é bem cheia de tensão e mistério e dão o tom certo para os momentos mais dramáticos da trama. As partes mais leves ficam por conta das trapalhadas de Grover e das briguinhas entre Percy e Annabeth, algo que achei muito infantil para a maturidade que os personagens apresentam em muitos trechos do livro.

Ailás, a questão da maturidade dos personagens, principalmente a do Percy Jackson é algo que me interessou muito durante a leitura. Seu comportamento é adulto demais para uma criança de 12 anos. Talvez seja o fato dele ser um semi-deus. Há, claro, o fato dele enfrentar problemas pessoais na escola e em casa.

Os Deuses e seres mitológicos são muito bem retratados no livro, mas não espere uma explicação detalhada.

Outro detalhe interessante é que Percy é o narrador de toda a trama. Apesar de ser um recurso mais voltado para agradar o público jovem, a leitura flui melhor, pois o livro não tão leve quanto parece. A trama tem uma certa atmosfera de mistério.

É um livro que gostei bastante, embora eu já tenha lido muita gente falar mal da forma como o autor escreve. Realmente não é um mestre, mas para o púbico alvo da obra, o livro funciona muito bem. Além disso, o livro tem um apelo para o público adulto, seja pela personalidade do protagonista, seja pela interferência dos Deuses no nosso mundo, existem trechos que se você prestar bastante atenção, somente um adulto seria capaz de entender. Os leitores mais atentos notarão uma crítica à atual nação mais poderosa do mundo, que no livro é a nova sede do Olimpo.

Eu recomendo. Já aviso que não é um clássico da literatura mundial, mas é uma fonte maravilhosa de entretenimento, principalmente por ser escrito de uma foram leve, mas ao mesmo tempo recheada de mistério. Mitologia e aventura no tom certo, sem exageros e sem insultar a sua inteligência.

.:.Abraços e até a próxima.:.

Sobre Cassy Teodoro

Administradora e resenhista deste digníssimo blog. Aes Sedai da Ajah Verde, Curadora das Crônicas da Torre Branca e fiel ao Lorde Dragão Rand al'Thor.
Esse post foi publicado em Fantasia e Ficção Científica, Resenhas, Romance e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

6 respostas para Resenha: O Ladrão de Raios, de Rick Riordan

  1. Ois,

    Parece ser uma saga interessante, vou ficar atento pois parece-me ser algo que se lê muito bem.

    Gostei de ler a critica😉

    BJ

    • Cassy disse:

      Obrigada, Fiacha. Eu gostei bastante. Como falei não é um clássico, mas dá para ter um bom momento de diversão durante a leitura. Principalmente para nós, que lemos tantos livros com trama e narrativa mais pesados, com personagens crueis, pessoas sofrendo horrores por causa de intrigas e guerras pelo poder. É uma forma de dar um descanso para mente😀

  2. Sou fã da série, o RicK Riordan sabe muito bem como recontar a mitologia e a série vai amadurecendo com o passar dos livros e ele também como autor, o que é bem interessante. Detalhe, ele já lançou outras duas séries baseadas na mitologia, uma na mitologia egípcia e uma espécie de continuação de Percy Jackson também baseada na mitologia grega, já li todos e posso dizer que embora não sejam obras primas são entretenimento de primeira!

    • Cassy disse:

      Pois é, Marcos, eu gostei bastante do modo como Rick desenvolve a trama, sem muitas frescuras e detalhamento, mas com o tom certo de suspense e mistério, humor e aventura. Ainda não entendo as críticas ao autor, mas tudo bem.

      Já li algo a respeito das outras séries no site do autor e a sinopse me interessou bastante. A continuação da série do Percy é leitura obrigatória, já a outra série me chamou bastante a atenção por tratar da mitologia egípcia como você mesmo disse. Vou ver como está minha lista de leituras e se dá para encaixar, pois O Ladrão de Raios não estava mesmo em meus planos de leitura. Abraços

  3. Cassy disse:

    Amanda, quando você puder, volte a ler sim. É um livro muito gostoso de ler. Eu adorei. Mais uma vez obrigada pela dica😀

  4. Pingback: Resenha: A Maldição do Titã | D R A G O N M O U N T .:. B O O K S

Por favor, deixem os seus comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s