Resenha: The Mark of Athena, Rick Riordan

The Mark of AthenaTítulo: The Mark of Athena

Autor: Rick Riordan

Publicação: 02 de outubro de 2012

Número de páginas: 413 páginas (edição em epub)

Editora: Disney Hyperion (edição em epub)

ISBN: 9781423155164

Os semideuses Gregos e Romanos terão que cooperar para derrotar os gigantes libertados pela Mãe Terra, Gaia. Então, eles deverão partir para a terra antiga, Grécia, para encontrar as Portas da Morte (sinopse retirado do site Amazon. Tradução livre)

Terceiro livro da série Os Heróis do Olimpo, The Mark of Athena, cujo título em português muito provavelmente será A Marca de Atena, promete ser o ponto da esperada união entre os semideuses romanos e  os gregos. Com isso, a união entre os membros do Acampamento Meio-Sangue com os membros do Acampamento Júpiter torna-se uma das cenas mais esperadas do início do livro. A união significa também a concretização de mais uma parte da Grande Profecia, a chamada Profecia dos Sete.  Outro motivo para que tal encontro aconteça é a possibilidade de finalmente os semideuses terem alguma esperança de derrotar a Mãe Terra, Gaia, que ameaça despertar e destruir o mundo. E como Rick adora nos surpreender, dá para imaginar como, ou melhor, o que acontece nesse tão esperando encontro entre romanos e gregos.

A trama segue exatamente o ponto onde acabou O Filho de Netuno. Como já é de praxe à missão principal da série correm as missões paralelas. A missão ao qual o título se refere é uma das que mais me agradou e ela tem um significado muito importante para os semideuses de ambos acampamentos e em especial para quem a cumpre.

Aparecem mais figuras lendárias, o que mais uma vez mostra o quanto o autor conhece da mitologia. Não apenas nomes e seus significados na mitologia, mas também o contexto histórico dessas entidades na história das civilizações grega e romana. A maneira como Rick coloca as figuras lendárias no contexto da trama é sempre algo que agrada. O autor acerta em cheio.

A narrativa continua através dos pontos de vistas das personagens. Acho que fica fácil imaginar a quem pertence um desses pontos de vistas. Os capítulos que mais me agradaram foram daquela personagem metida a engraçadinha. Além de proporcionar ótimos momentos de humor (nunca ri tanto em um livro do Rick, como eu ri lendo este), há um momento lindo, de extrema delicadeza, muito bem escrito e que chega a emocionar.

A estória é marcada ainda por outro esperado reencontro. E ele acontece com uma certa carga de emoção, não muita, devido mesmo à personalidade de um dos semideuses envolvidos. Posteriormente é mostrado mais do relacionamento dos dois, e é muito bonito ver a cumplicidade do casal, que ficou tanto tempo separado.

Além de humor, momentos emocionantes e a interessante cena da capa, o livro também tem bastante ação, apesar de, não sei se alguém concordará, eu achar que O Filho de Netuno no quesito ação (e aventura) é o melhor dos três livros. Entretanto, A Marca de Atena ganha na questão surpresa, tanto no início da trama quanto no desfecho. O final é ainda mais inesperado e deixa um suspense enorme para o próximo volume da série.

Por falar em próximo livro, o título é The House of Hades e tem lançamento previsto para o segundo semestre deste ano nos Estados Unidos. Acredito que muitos de vocês já saibam disso e já estão tão ansiosos quanto eu. Assim que a capa e a data forem divulgadas eu posto aqui.

A Marca de Atena tem lançamento previsto no Brasil para maio deste ano. Calma, pessoal!!! A editora Intrínseca prometeu tentar lançar o livro antes de maio. Então cruzem os dedos. No mais…

.:.Abraços e até a próxima.:.

Sobre Cassy Teodoro

Administradora e resenhista deste digníssimo blog. Aes Sedai da Ajah Verde, Curadora das Crônicas da Torre Branca e fiel ao Lorde Dragão Rand al'Thor.
Esse post foi publicado em Fantasia e Ficção Científica, Resenhas, Romance e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para Resenha: The Mark of Athena, Rick Riordan

  1. Marcos disse:

    Achei o livro muito bom, embora inferior a O Filho de Netuno, que trouxe uma nova dinamica para a saga dos semideuses com o Acampamento Jupiter. O final do livro foi realmente surpreendente e espero muito de House of Hades.
    PS. Soh eu achei o Percy um tanto instavel durante o livro? N sei se foi para diferenciar ele da personalidade mais fria do Jason, mas o Rick exagerou um bocadinho.
    PPS. Adoro a serie mas as vezes acho que o Rick tem sindrome de Dan Brown, isto eh,n consegue fugir muito de uma formula pre-estabelecida, n q isso altere o resultado final, q continua bom, mas deixa aquela sensaçao que. ele poderia fazer mais.
    PPPS. Tequila Vermelha eh muito foda, o que corrobora o que eu disse antes, o cara tem capacidade pra muito mais!

    • Cassy disse:

      Que bom, que não foi só que eu a achar O Filho de Netuno um pouco melhor. E sim, o Percy estava bem, vamos dizer, estranho. Quanto a formula do Rick para escrever, parece-me que ele tem optou por deixar a série com o mesmo nível, mais intanto-juvenil, provavelmente para diferenciar da forma narrativa de Harry Potter. Não sei se ele acertou ou não, mas há momentos em que ver uma pessoa de quase 17 anos se comportar como um menino de 13 é bem esquisito.

      E eu quero ler Tequila Vermelha rsrsrsrs

  2. Eu gosto dos livros do Riordan, não sei porque. Foi uma das raras vezes que eu consegui ler um livro todo no pc, tamanha era minha vontade. Gostei bastante da série dos Olimpianos. Já dessa série, tem umas coisas a ressaltar:
    “O Herói perdido” – Dane-se o Jason! Ele é um mala! O Léo é quem salva o livro de longe! Ele e o Treinador Hedge. O “Filho de Netuno” é muito melhor. Pode ser porque eu já tenha me afeiçoado a ele, mas o Percy, como personagem chuta a bunda semidivina do Jason fácil!

    Tenho boas expectativas pra esse livro. Ainda não li, mas se seguir a linha dos outros, já vai valer a pena. Mas concordo com vocês, tá na hora de mudar, Tio Riordan! Seus livros são legais, mas meio repetitivos…

    E ouvi falar que ele estava planejando uma série sobre Mitologia Nórdica. Será?

    E Cassy, minha linda. Acho que nome de personagens não é considerado Spoiler, hein? hauhauahau

  3. Pingback: A Marca de Atena será lançado em maio de 2013 | D R A G O N M O U N T B O O K S

  4. Pingback: Pré-venda: A Marca de Atena | D R A G O N M O U N T B O O K S

Por favor, deixem os seus comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s