Resenha: The Dinosaur Lords, de Victor Milán

The Dinosaur Lords capaTítulo: The Dinosaur Lords

Autor: Victor Milán

Publicação: 28 de julho de 2015

Número de páginas: 448 páginas

Editora: Tor Books

ISBN:  9781429966115

Primeiro livro de uma série de mesmo nome, The Dinosaur Lords mistura fantasia, ficção científica, fantasia histórica e dinossauros. O leitor é levado para Nuevaropa, um  império cuja língua predominante é o espanhol , onde os dinossauros foram, de certa forma, domesticados e são usados como montaria em diversas atividades.

O livro tem ainda uma interessante concepção religiosa e existencial, o que me agradou bastante, além de personagens bem desenvolvidos e carismáticos, embora eu esperasse um pouco mais de um autor do nível do Victor, que tem livros publicados desde meados dos anos 1980, mas entendo que é o primeiro livro série e autor tem muito para contar.

Adorei o worldbuilding e o uso de termos e expressões em espanhol para reforçar a cultura predominante do Nuevaropa. Nomes de locais e algumas nacionalidades lembram muito os usados em nosso mundo real e isso torna a leitura mais envolvente, além do fato do cenário ser baseado na Europa do século XIV.

Gostei muito do núcleo feminino, que embora seja bem parecido com o que se tem ideia da cultura da Europa da Idade Média, mostra o quanto as mulheres não são meros enfeites em uma corte.

O livro contém ilustrações e junto delas temos verbetes destacando cada espécie de dinossauro, algo sobre a cultura, história e mitologia de Paradise, que de fato mundo onde se passa a trama. Esses textos e ilustrações estão em posição de destaque nos capítulos e acabam dando um aspecto estético muito bom e ajudam a entender melhor a concepção do mundo da série, além de ajudar na explicação sobre cada espécie de dinossauro.

A escrita do Victor é muito boa e a premissa interessantíssima, mas vou me juntar aos dois amigos dos blogs Bravura Literária e Desbravando Livros, e dizer que eu fiquei um tanto decepcionada com a execução dessa premissa. As duas primeiras partes são muito bem escritas, com desenvolvimento de trama e construção de personagem incríveis, mas da terceira parte até o fim do livro, o Victor perde totalmente o rumo, arrastando a história. Nem as cenas mais tensas chegam a empolgar e parecem bem forçadas. Uma pena para um livro que prometia ser um dos melhores lançamentos nos Estados Unidos e aqui no Brasil.

Não é um livro ruim e até recomendo. A leitura foi agradável em diversos momentos, porém, não foi a grande leitura que eu esperava. Claro, essa é a minha opinião. A minha intenção é mostrar o que achei do livro e não desmerecer o autor, nem a editora americana, que fez um grande trabalho de publicidade muito bom, mas pelo histórico do Victor, como um autor que já publica livros desde o começo dos anos 80, eu esperava algo melhor. O livro em diversos momentos pareceu mais um debut e não uma obra de uma autor com anos de estrada no mercado editorial.

A minha recomendação, portanto, fica para os leitores fãs de dinossauros. Da minha parte, eu pretendo ler a sequência, por causa de dois personagens cujos destinos eu fiquei curiosa em acompanhar.

.:.Até mais, gente!.:.

Sobre Cassy Teodoro

Administradora e resenhista deste digníssimo blog. Aes Sedai da Ajah Verde, Curadora das Crônicas da Torre Branca e fiel ao Lorde Dragão Rand al'Thor.
Esse post foi publicado em Fantasia e Ficção Científica, Resenhas, Romance e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

Por favor, deixem os seus comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s